Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

sábado, 9 de novembro de 2013

Catedral Diocesana de Campina Grande realiza Romaria do Trabalhador


Catedral Diocesana de Campina Grande realiza Romaria do Trabalhador
Com a presença do bispo dom Manoel Delson, e vários padres diocesanos, a Catedral Diocesana de Campina Grande e Pastoral Operária realizam neste sábado, 09, a Romaria do Trabalhador. O evento começa a partir das 15h com saída da Paroquia de Bodocongó, na Comunidade Jesus de Nazaré, e passará pelos bairros da Ramadinha e Malvinas. Recentemente a Diocese promoveu a VII Romaria Missionária e se prepara para a procissão da festa de Nossa Senhora da Conceição em dezembro.

De acordo com a estudante  e militante da Pastoral do Operário, Emanuela Freitas, a Romaria do Trabalhador este ano tem novidades e está renovado depois de cinco anos sem ser realizado,  

- Esse ano vamos trabalhar com o tema “Romaria dos Trabalhadores e Trabalhadoras de Campina Grande, homenageando Santos Dias da Silva” e continuamos com o mesmo lema da Campanha da Fraternidade “Mãe Aparecida Ajude a Libertar a Juventude Esquecida”. Trazemos a ideia de celebração, mas esse ano será uma celebração em caminhada – afirmou.

O evento visa alertar sobre a situação do número de jovens desempregados no país. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de janeiro a setembro de 2013, 14,3% dos jovens brasileiros entre 16 e 24 anos estão desempregados.

A Romaria, que tem como tema “Santo Dias da Silva - Continuamos na Luta” conta com uma caminhada que começa às 15h da igreja Jesus de Nazaré, na Ramadinha II, e segue até a igreja de São Francisco, no bairro das Malvinas.

Durante a caminhada, haverá a celebração de uma missa e a romaria fará uma parada na igreja de Jesus Libertador, nas Malvinas e outra no Mercado Público do bairro, antes de chegar até o ponto final, onde diversos padres farão a bênção final dos fieis. De acordo com uma das coordenadoras da pastoral, Inácia Freitas, a romaria ajuda a mostrar à sociedade paraibana que a igreja está atenta às dificuldades enfrentadas pelo jovem na busca por espaço no mercado de trabalho. “Queremos chamar a atenção para que todos possam olhar de maneira crítica essa situação e se motivar na busca por uma sociedade mais igualitária, justa e fraterna”, destacou Inácia.

PBAgora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso Portal